Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

UNE repudia nomeação de interventor para a reitoria da UFC

20/08/2019 às 14:10, por Renata Bars.


Leia nota da entidade sobre o ocorrido

Na última segunda-feira (19), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) nomeou como novo reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC) o advogado e professor Cândido Albuquerque, o menos votado na consulta pública. A nomeação foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). Em protesto,o Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais do Ceará (Sintufce) e o movimento estudantil realizam nesta terça, a partir das 18h, o ato “Autonomia, democracia e direitos na UFC: por uma universidade pública, gratuita, de qualidade e democrática”. A manifestação ocorrerá no cruzamento da Av. da Universidade com 13 de maio.

A UNE repudia a ação tomada pelo presidente. Em nota, a entidade afirma que ”A nomeação representa um duro ataque à Autonomia Universitária, garantida pela constituição de 1988 e exercida no cotidiano pelo nosso direito a formulação didático-científica, orçamentária e de objetivos sociais da UFC”

Confira o texto na íntegra:

Bolsonaro indicou essa noite um INTERVENTOR para a reitoria da Universidade Federal do Ceará!

Cândido Albuquerque, terceiro colocado na consulta acadêmica, com 5.08% dos votos, é indicado por manobra do inimigo nº 1 da educação no lugar do prof. Custódio Almeida, que teve 65% do total de votos na consulta à UFC. O interventor se apresenta como representante de Bolsonaro, para defender todo projeto contra uma educação democrática, voltada a valores de desenvolvimento social, participação democrática, pesquisa independente, extensão popular e bem estar social. Cândido Albuquerque é indicado para levar a cabo o projeto de privatização da universidade, com seus espaços públicos e serviços básicos que proporciona aos estudantes e comunidade através das políticas de permanência estudantil e de função social da Universidade.

A nomeação representa um duro ataque à Autonomia Universitária, garantida pela constituição de 1988 e exercida no cotidiano pelo nosso direito a formulação didático-científica, orçamentária e de objetivos sociais da UFC. É contra esses direitos que o nome de Cândido vem a cabo.

A União Nacional dos Estudantes soma sua voz à voz de todas e todos os estudantes da UFC, que agora dizem a plenos pulmões: NÃO PERMITIREMOS UM INTERVENTOR EM NOSSA CASA! NÃO SILENCIAREMOS ANTE O ATRASO E O RETROCESSO PERSONIFICADOS!
O Ceará inteiro, com todo um povo forte que defende a educação, não sairá das ruas e dos espaços da universidade em luta até que a UFC determine seu próprio caminho!

Por isso, a Primeira Mobilização, em defesa da Autonomia Universitária, está marcada para hoje (20/08), às 18h no cruzamento histórico da Av. da Universidade com 13 de Maio, em frente aos portões da Reitoria.

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo