Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Dia Nacional em Defesa da Educação leva 1,5 milhão de pessoas nas ruas

15/05/2019 às 20:44, por Redação.

Av. Paulista em São Paulo ficou repleta de estudantes e trabalhadores da educação

15 de maio ficou conhecido como “Tsunami da Educação” em todo o país; UNE convoca nova mobilização para o dia 30/5

A UNE estima que cerca de 1,5 milhão de pessoas estiveram nas ruas em todo país, durante todo o dia 15 de maio “Dia Nacional em defesa da Educação”. De acordo com levantamento da entidade, todas as universidades federais e institutos federais paralisaram suas atividades contra os cortes anunciados pelo Ministério da Educação.

Os atos aconteceram nos 26 estados e no DF. Em 250 cidades do país aconteceram manifestações, incluindo todas as capitais. “A resposta aos cortes na educação e ao projeto do governo veio imensa e das ruas. Esse 15 de maio é histórico e usando o termo que Bolsonaro se referiu: é o “Tsunami” da Educação. E não recuaremos enquanto a medida não for revogada”, declarou Marianna Dias, presidenta da UNE.

Enquanto os atos tomavam o Brasil, o ministro da educação Abraham Weintraub foi convocado pela Câmara dos Deputados a prestar esclarecimentos sobre os cortes que vão afetar o funcionamento de todas as instituições de ensino federais e milhares de estudantes.

Para continuar pressionando a entidade já divulgou a data da próxima manifestação: dia 30 de maio. A UNE afirma que o corte de 30% no orçamento do setor é um dos piores ataques a educação pública a história recente.

Presidenta da UNE, Marianna Dias, e presidenta da UEE-SP, Nayara Souza no protesto em SP

Rio de Janeiro levou  200 mil pessoas para a região da Candelária

 

Em Recife  também foram 200 mil pessoas nas ruas.

 

Em Porto Alegre os manifestantes saíram de frente a FACED e tomaram as ruas. 

 

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo