Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Arthur Poerner lança livro de memórias no Rio de Janeiro nesta sexta

10/12/2019 às 18:29, por Cristiane Tada.

Como convidado especial durante a 9ª Bienal da UNE em 2014 no Rio de Janeiro 
Foto: Vitor Voguel

‘Rebelde todo dia’ de 400 páginas conta trajetória do jornalista deste o momento de sua prisão durante a ditadura quando atuava no diário carioca Correio da Manhã

O escritor Arthur Poerner lança seu novo livro Rebelde todo dia – Repressão e resistência nos anos de chumbo, da editora Lacre, no próximo dia 13 de dezembro, às 19h, na livraria Travessa de Ipanema (Rua Visconde de Pirajá, 572). Poerner é figura querida e intelectual importante para o movimento estudantil. Perseguido, preso e exilado durante a ditadura ele aparece em uma foto histórica, carregando o caixão com o corpo do estudante Edson Luís, assassinado em 28 de março de 1968 pela polícia durante um protesto no restaurante universitário Calabouço, no Rio de Janeiro.

O jornalista carrega o caixão no mártir do movimento estudantil Edson Luís morto pelos agentes da ditadura em 68

“É um livro de memórias, tantas que me vi obrigado a dividi-las, cronologicamente. Com cerca de 400 páginas, parei quando a ditadura (1964-1985) veio me prender na Redação do falecido diário carioca ‘Correio da Manhã’, que liderava a resistência cultural à repressão, onde eu era repórter especial, colunista e articulista. Depois de três meses num quartel do Exército em que se matava por tortura, na Barão de Mesquita, no Andaraí, no Rio, não tive alternativa se não a de aceitar a ajuda da ONG Anistia Internacional para deixar o país. E, agora, a de guardar o exílio para um próximo volume”, destacou sobre a obra.

O jornalista também é autor do livro: “O Poder Jovem: história da participação política dos estudantes brasileiros”, um dos registros mais importantes sobre a trajetória do movimento estudantil brasileiro desde antes da fundação da UNE.

Serviço:

O que? Lançamento do livro Rebelde todo dia – Repressão e resistência nos anos de chumbo, de Arthur Poerner.

Quando? Sexta (13 de dezembro) às 19h.

Onde? Rio de Janeiro, Livraria da Travessa de Ipanema (Rua Visconde de Pirajá, 572).

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo