Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

30M: Segundo tsunami pela educação reafirma força estudantil

31/05/2019 às 18:13, por Renata Bars.


Atos aconteceram em mais de 211 cidades dos 26 estados e em mais 9 países

A onda que chegou por último, chegou mais forte. Não esmoreceu. Foi assim na última quinta-feira (30), quando o segundo ‘’tsunami pela educação’’, convocado pelas entidades estudantis, tomou as ruas de todo o país em 211 cidades nos 26 estados mais o Distrito Federal. Não bastasse a força nacional, no exterior, 9 países repercutiram a luta brasileira contra os cortes na educação.

”Fizemos um protesto pacífico, mas muito radical. Somos milhões e vamos derrubar esse reinado do Brasil nas ruas indignados com o desrespeito do governo com a educação e com o povo. Os ‘idiotas’ vão mudar o Brasil”, afirmou a presidenta da UNE Marianna Dias.

Diretora da UNE Bruna Brelaz discursa em Brasília

Marianna esteve no ato da capital paulista, onde nada menos do que 300 mil pessoas participaram. No resto do Brasil foi igual. Belo Horizonte registrou a presença de 200 mil pessoas, Fortaleza e Recife reuniram 100 mil pessoas cada, e Distrito Federal 30 mil manifestantes. Ao todo, foram mais de 1,8 milhão de pessoas nas ruas.

Para a presidenta da UNE, o dia 30 de maio de 2019 entrou para história do nosso país.

”Foi quando estudantes, professores, trabalhadores, pais, enfim, o povo brasileiro voltou às ruas num grande tsunami. Para quem não acreditava, nós estamos aqui. Nós somos milhões. Nós somos rebeldes. Nós somos questionadores”, frisou.

Imagem aérea da manifestação em São Paulo

GREVE GERAL

Em meio aos atos, os estudantes convocaram para o próximo dia 14 de junho uma greve geral.

Nós queremos escola, nós queremos educação e nós vamos construir a maior greve geral), ao lado dos trabalhadores, da história deste país. E eu desafio o governo Bolsonaro a dizer ao povo brasileiro porque que eles não gostam da educação”, destacou Marianna.

Estudantes cearenses no 30M

CONFIRA mais FOTOS

Faixa é exibida durante o protesto em Salvador

Estudantes no ato de Porto Alegre

Centro do Rio de Janeiro tomado pelos manifestantes

Manifestação em Belém do Pará

Bandeiras da UNE na linha de frente durante manifestação em Cuiabá

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo